segunda-feira, 24 de agosto de 2009

O Reverendo JB


Quem pensa que já viu de tudo na TV, da guerra da Globo com a Record, da Campanha dos "7", da "recepção calorosa" de "sonegadores bispos" com campanhas mirabolantes, até aparecer no cenário, “comendo pelas bordas” o “Revendo JB” . O blog sobrepalavra.wordpress.com tem, uma declaração sobre ele:

Não sei onde arrumaram esse cara, mas é uma "bizarrice" bênção só!
.

Seus cultos acontecem na igreja do RR, e além da “Gruta dos Milagres” onde o perfume da gruta “resolve tudo” , até a “Garrafada do Poder”, onde você... é... você, “Você vai pegar essa água em nome de Deus, de Jesus e de todos os anjos… Nós vamos fazer o maior despacho…

Nesta última quinta-feira, dia 20 de agosto, qual a minha surpresa, e olhe que passo direto deste canal, “CNT”, quando escuto a chamada para o culto da noite de domingo dia 20: “Deus vai fazer Justiça – Você vai entrar em uma nova dimensão (na minha mente ouço aquela musiquinha: tânanâna tânanâna (...) - acho que é assim)– O azeite da Justiça para abençoar a sua vida (...)

EU GARANTO! - Afirma o Reverendo JB.


Domingo da Justiça:

Venha receber o “pente da limpeza” o “talco consagrado do amor” o “óleo consagrado” e o “martelo da justiça de Deus”.

Não vai ficar pedra sobre pedra com o "O Martelão da Fé"


Isso tudo porque é injusto “ter dor de cabeça, é injusto viver doente, é injusto não ter dinheiro. Este é o dia de você superar todas estas coisas, não importa qual a sua igreja, ou qual a sua religião!

O perfume da gruta dos milagres:

Esse perfume resolve tudo!
Quer casar? Tá encalhado? Tem problemas nas vistas? Não consegue prosperar?


A garrafada do Poder:

“Você vai pegar essa água em nome de Deus, em nome de Deus de Jesus e de todos os anjos…Nós vamos fazer o maior despacho…


Obs: a água tem que ser da sua casa, não serve da casa da sogra...




Também publicado no sobrepalavra.wordpress.com


***

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários serão moderados. Me reservo ao direito de não publicá-los caso o conteúdo esteja fora do contexto, ou do assunto, ou seja ofensivo ao autor do texto.