quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Eu: do antes para o depois

Jailton Sousa Silva


“Pois antigamente nós mesmos não tínhamos juízo e éramos rebeldes e maus...Porém, quando Deus, o nosso Salvador, mostrou a sua bondade e o seu amor por todos, ele nos salvou porque teve compaixão de nós...” (Tito 3.3,4 e 5).

O passado de muitas pessoas é “uma caixinha de surpresas”. Acho que é melhor dizer: o passado de todos! Se bem que, para alguns, o passado guarda muito mais coisas boas, eventos dos quais podem orgulhar-se por serem marcados de conquistas, caridade, bondade etc. Mas a grande maioria, creio eu, não é bem assim. Por exemplo, o apóstolo Paulo, depois de convertido a Cristo, foi um homem de cujo passado não tinha muito do que se orgulhar, visto que foi marcado pelas perseguições aos cristãos, resultando, inclusive, na morte de Estêvão (Atos 8.1).

Ele mesmo faz uma denúncia do seu passado: “ainda que outrora eu era blasfemador, perseguidor, e injuriador; mas alcancei misericórdia, porque o fiz por ignorância, na incredulidade” ( ITm 1.13).

Não sei se você observou, mas o apóstolo Paulo fala de seu passado tenebroso não como tendo orgulho, mas decepção. A Tito, ele escreve da mesma maneira: “Pois antigamente nós mesmos não tínhamos juízo e éramos rebeldes e maus”(v.3). Sabemos que a intenção do apóstolo ao lembrar do passado, não é com o objetivo de “voltar atrás”, para aquela vida de escravidão espiritual. Mas é um alerta para que olhemos adiante, pois o nosso passado não pode manchar o futuro que o nosso Senhor preparou para nós.

Agora observe mais um pouquinho o texto de Tito: “Porém, Deus, o nosso Salvador, mostrou a sua bondade e o seu amor por todos, ele nos salvou porque teve compaixão de nós...” (Vs. 4,5), e I Timóteo: “(...) mas alcancei misericórdia...” (1.13).

Agora, Paulo fala de algo que aconteceu uma vez, mas que foi o suficiente para superar a melancolia do seu passado e lavar, de uma vez por todas, as manchas de outrora. Ele fala que Deus mostrou-lhe o seu amor.

Só o amor de Deus é capaz de fazer isso pela humanidade! Só Cristo é capaz de transformar as pessoas por piores que elas sejam! Você conhece alguém, cuja vida você acha que é impossível de mudar? Saiba que em Cristo há transformação para todo ser humano. Essa transformação não é produto da vaidade humana, mas é um ato supremo de amor, que começa no interior do pecador.

Querido, lembre-se que você agora é de Cristo. Você não mais pertence à vida maculada de obras infames da carne. Você tem muito mais valor do que imagina! Ele chamou você das trevas para a sua maravilhosa luz (I Pe 2.9). Antes você era escravo, mas agora você é livre! Antes você não tinha vida, mas agora a tem com abundância! Por isso, continue seguindo a Ele, e você terá um futuro glorioso!

***

Fonte: Missionário Jailton Sousa Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários serão moderados. Me reservo ao direito de não publicá-los caso o conteúdo esteja fora do contexto, ou do assunto, ou seja ofensivo ao autor do texto.