segunda-feira, 26 de abril de 2010

Deus providencia o socorro!

Por PC@maral


Pensei bastante antes de dar inicio a este texto, procurando me colocar apenas na condição de narrador dos fatos, e, principalmente reconhecendo que este trabalho foi motivado pela ação de Deus em suprir as necessidades de muitas pessoas. Nossa condição para a realização foi a de servo do Senhor que cumpre uma ordem dada por Ele. E, movidos por Ele, pudemos abençoar a muitos. Então, a Ele, e somente a Ele pertence toda a Glória, toda Honra e todo o Louvor !

Domingo, dia 25 de abril de 2010, chegamos cedo a cidade de Niterói, no Rio de Janeiro, na localidade do morro do Bumba, palco da maior tragédia ocorrida em conseqüência das fortes chuvas que castigaram o estado do Rio de Janeiro no inicio do mês de abril. Ao estacionarmos já haviam muitas famílias fazendo fila na porta de uma das igrejas que servem de ponto de distribuição de doações para os desabrigadas da região.

A rua continua interditada, o trânsito é controlado, somente moradores, carros de serviço e doações podem circular. As ruas continuam cobertas com uma camada de lama, que agora seca levantam muita poeira com a passagem dos veículos, mal dá para ver o asfalto por baixo. Muros, calçadas e rua tem a mesma tonalidade da lama.


Na porta da igreja, as famílias chegaram cedo, foram em busca de alimentos principalmente. Homens, mulheres e crianças ajudam a descarregar nossa Van e levam as doações para dentro do templo da Igreja Apostólica Cristã. Enquanto íamos ver de perto o local da tragédia os voluntários organizavam a fila e distribuíam alimentos, roupas e brinquedos para as crianças, [nada paga um sorriso de uma criança, esta, é uma das recompensas deste trabalho social].


Cerca de duzentos metros adiante na rua chegamos ao lugar mais atingido. Uma coisa é ver pela TV, nos noticiários, outra é ver com seus próprios olhos. A lente das câmeras não conseguem alcançar a dimensão da tragédia que nossos olhos testemunham ali, naquele local.


Os trabalhos de busca cessaram, as máquinas estão paradas, vemos moradores voltando em suas casas para retirarem seus pertences, eletrodomésticos, mobilia. Na rua, já sendo carregadas em transportes de fretes, os pertences de vários moradores.

Tivemos a noticia que várias famílias receberam apartamentos, e já estavam se mudando, outras recebendo aluguel social, dado pelo governo. Soubemos que os aluguéis na região duplicaram de preço, isso é muito triste, o ser homem se aproveitando da desgraça de seu próximo. Vimos muitas faixas. Uma grande preocupação dos moradores é, de que, esta tragédia venha a cair no esquecimento, do povo e, principalmente, das autoridades administrativas do município.

Nossa oração é de que, Deus continue consolando aqueles que perderam seus familiares, que os ajude levantando cada vez mais voluntários e pessoas que doem alimentos, produtos não perecíveis, material de limpeza, higiene pessoal, roupas, brinquedos e solidariedade. Que Deus continue abençoando os que se colocaram à disposição e estão fazendo este trabalho social na região. Que Deus abençoe as famílias ao redor da tragédia.

Este não é um trabalho meu somente, o que faço aqui é divulgar e nossa esperança é a de que, você que lê e deseja ajudar mova sua igreja nesse propósito, arregace as mangas e doe, seu tempo, seu trabalho e ajude esta população. Pois ainda precisam de muito mais ajuda.

O que fizemos, não nos dá o direito de nos gloriar, nossa igreja se mobilizou, todos os membros se engajaram na ação, e Deus abençoou, Ele nos motivou a isso, e não fizemos mais do que a nossa obrigação como cristãos que amam a seu próximo.

Participaram da entrega de tudo que foi arrecado pela igreja no bairro de Piedade no Rio de Janeiro, a diaconisa Márcia Barros, diretora do departamento de assistência social, o diácono Paulo Amaral e o Claudiomar, este, foi providenciado por Deus para transportar as doações.

Todo esse trabalho foi feito para Honra e Glória de Nosso Senhor Jesus Cristo!

Glórias a Deus! Louvado seja o nome do Senhor Jesus!

A Grande Preocupação dos Moradores






Mais Imagens do local































***

PC@maral

3 comentários:

  1. Graça e paz amado!

    Parabéns a todos por essa ação social maravilhosa. Isso sim é exemplo de cristão.
    Pregação sem ação social é hipocrisia.

    Luciano Vieira

    ResponderExcluir
  2. Os moradores daquela região precisam, ainda, de muita ajuda. Quanto mais melhor!

    ResponderExcluir
  3. Deus sempre nos socorre nas horas de aflição!

    Chegai-vos a Deus e ele se chegará a vós.
    Quão maravilhoso é sabermos que temos um Deus que nunca se esquece de nós, pois diz-nos a Bíblia que Deus jamais se esquecerá de nós.
    Muitas vezes, diante das dificuldades da vida, do algozes, das tribulações, pensamos e até dizemos "Deus não me escuta, Deus me abandonou! "Mas Deus jamais nos abandona; somos nós que nos afastamos dele, em virtude das nossas faltas, dos nossos pecados, e etc.. Porém , Lendo a Bíblia, encontramos a seguinte exortação: ..chegai-vos a Deus e ele se chegará a vós.
    E o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora. Realmente, não é Deus quem nos abandona, pelo contrário, somos nós que nos afastamos dele, mas à medida em nos aproximamos, ele também se aproxima de nós, então vai-se embora toda a luta, todo sofrimento, dor ou tédio. Jesus disse: estarei convosco todos os dias, até a consumação dos séculos... e pode, porventura , a mãe esquecer-se tanto do filho que cria? mas ainda que esta se esquecesse, eu todavia não me esquecerei de ti.

    Biana Bac

    http://www.gifsdabac.blogspot.com

    ResponderExcluir

Todos os comentários serão moderados. Me reservo ao direito de não publicá-los caso o conteúdo esteja fora do contexto, ou do assunto, ou seja ofensivo ao autor do texto.