quarta-feira, 23 de junho de 2010

O Reino de Deus e a Pérola

“O reino dos céus é também semelhante a um que negocia e procura boas pérolas; e tendo achado uma pérola de grande valor, vendeu tudo o que possuía, e a comprou.” (Mt 13:45-46)

Por PCamaral

Dentre as muitas alegorias do reino de Deus, está a pérola. Mas, por que este destaque especial à pérola, em detrimento de tantas jóias preciosas? A composição de muitas jóias advém de pedras preciosas, como o diamante, a esmeralda, o rubi, e outras são metais preciosos como ouro, prata, platina, cobre. Todos estes elementos são minerais, neutros, não vivos. Em contraste com estes, está a pérola, a única jóia preciosa que é gerada por um ser vivo.

Quando uma ostra, no fundo do mar é atingida por um pequeno grão de areia, que a fere, imediatamente libera, em torno do minúsculo objeto estranho, um líquido especial, que, ao solidificar-se, torna-se uma linda pérola. Desta forma, o que foi um sofrimento, transforma-se em algo de valor inestimável.

Quantas vezes diante do sofrimento ouvimos lamentos? Por quê? Por quê? E por quê? Ou quando não, verdadeiras blasfêmias são ditas contra o Criador. A pérola nos ensina que um acidente de percurso pode se tornar uma preciosidade, que a dor pode ser uma grande riqueza, que o líquido pode ser sólido, que um grão de areia pode ser uma jóia, que o que é pequeno hoje, pode ser grande amanhã; basta para isso, ser revestido de ação, de vida, aceitando e reconhecendo que o sofrimento nada mais é que uma grande oportunidade de transformação e de crescimento.

Este milagre da natureza representa o reino de Deus para a nossa vida. Quando o céu da vida enegrecer, o mar calmo transformar-se em tempestade, quando você visitar o jardim da existência e perceber apenas espinhos e folhas caídas, pare, reflita, agradeça e prossiga. Toda tentação, toda tribulação também trazem consigo a grande oportunidade de vitória, de glorificação e de adoração. De outra forma, toda derrota começa quando falta Deus e termina quando Deus se aproxima.

Mas, na mensagem da pérola, podemos ver também o ser mais glorioso e valioso do universo, Jesus Cristo, e a sua grande obra em favor da humanidade, a salvação. Com nossos pecados, o ferimos, quando, ali na cruz, deu o seu sangue, para nos purificar de toda culpa e nos vocacionar para uma vida de eterna vitória. A transformação foi quando, após três dias, foi envolto novamente com as virtudes do Espírito Santo e reviveu. O grão de areia, o Cristo morto, transformou-se na maior das pérolas, o Cristo Vivo!

Por isso, perceba o valor do reino de Deus e distribua este maravilhoso tesouro.

Louvado e exaltado seja o nome do Senhor Jesus!

***

PCamaral

Um comentário:

PCamaral, Palavra de Deus, Teologia, Estudos, Evangelho, Reflexões, Bíblia Sagrada, Estudos Bíblicos, Mensagens Bíblicas

Todos os comentários serão moderados. Me reservo ao direito de publicá-los ou não caso o conteúdo esteja fora do contexto, ou do assunto, ou seja ofensivo ao autor do texto.