quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Ninguém mais, só Jesus!

Por Vanessa Meira

Foi um grande espetáculo: luzes, fumaça, brilho, som do céu... Aquele “evento” causou um impacto tão inesquecível nas pessoas ali presentes que depois de muitos anos ainda se lembravam e comentavam eufóricos (2 Pe 1:18; Jo 1:14 e At 4:20). Ao final do “espetáculo”, a Bíblia descreve que: “E erguendo eles os olhos, não viram mais ninguém a não ser Jesus.” Mt 17:8 O texto se refere à transfiguração de Jesus, quando ele resplandeceu e encontrou-se com Elias e Moisés.

Sugiro uma aplicação bem simples: ao final de cada evento na igreja, ao erguermos os olhos, não deveríamos ver mais ninguém a não ser Jesus. Nem a beleza estética, nem a técnica da performance, nem o carisma de seres humanos - Jesus, e só ele, deveria ser o centro das atenções. Só Jesus.

Imagine uma descrição assim de um culto em sua igreja:"Então o coral cantou maravilhosamente bem, o pastor fez um lindo sermão e um poderoso apelo. Ao término do culto, após a oração final, erguendo eles os olhos, não viram mais ninguém a não ser Jesus..."

Você - diretor de coral, líder de louvor, músico, pastor e adorador - busque isso com todas as suas forças!
***

Fonte: Vanessa Meira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PCamaral, Palavra de Deus, Teologia, Estudos, Evangelho, Reflexões, Bíblia Sagrada, Estudos Bíblicos, Mensagens Bíblicas

Todos os comentários serão moderados. Me reservo ao direito de publicá-los ou não caso o conteúdo esteja fora do contexto, ou do assunto, ou seja ofensivo ao autor do texto.